quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Câmera térmica de atração turística revela câncer de mama em visitante


Uma turista fez uma visita “transformadora” a uma atração turística de Edimburgo, na Escócia, quando uma câmera térmica detectou algo que ela depois descobriu ser um câncer de mama

Bal Gill, de 41 anos, esteve na Camera Obscura and World of Illusions com sua família em maio. Quando entrou na sala com câmeras de imagens térmicas do museu, notou que seu seio esquerdo tinha uma cor diferente.

Quando voltou para casa, consultou-se com um médico, que confirmou que ela tinha um tumor em estágio inicial. Ela descobriu também que essas câmeras térmicas podem ser usadas como uma ferramenta por oncologistas.

A termografia, também chamada de imagem térmica, é um exame não invasivo que usa uma câmera especial para medir a temperatura da pele na superfície da mama.

Como células cancerígenas crescem e se multiplicam muito rapidamente, o fluxo sanguíneo e o metabolismo são mais elevados em um tumor, o que aumenta a temperatura nesta região.

Gill, vice-diretora de finanças de uma universidade, disse que, ao entrar na sala onde há câmeras térmicas, ela e sua família começaram a balançar os braços e olhar as imagens criadas.

“Ao fazer isso, notei um ponto de calor no meu seio esquerdo. Achamos estranho e, olhando para todo mundo, vimos que as outras pessoas não tinham algo assim. Tirei uma foto, e continuamos a visita ao museu.”




Via: Painel Político 




Nenhum comentário:

Postar um comentário